12 de jul de 2006

“Uma jovem que em vez de ‘se educar’ tem de servir cerveja a bêbados e passar o domingo lavando a roupa suja de seus irmãos e irmãs, tem dentro de si uma imensa reserva de vitalidade, inconcebível para pessoas que freqüentam a universidade e bocejam diante dos livros. Tereza lera mais do que elas, sabia mais do que elas sobre a vida, mas não se dava conta disso. O que diferencia aquele que estudou do autodidata não é a extensão dos conhecimentos, mas os diferentes graus de vitalidade e confiança em si. [grifo meu]”
Id., 1985, p. 61.

3 comentários:

  1. Oi Marcinho!

    Olha aqui, ó: http://www.michael-ballack.com/?401A1A2

    Vais A-DO-RAR!!!!

    Obrigada pela visita e pelo carinho, que é recíproco.

    Beijão

    ResponderExcluir
  2. Anônimo1:26 AM

    Enjoyed a lot!
    » »

    ResponderExcluir