23 de fev de 2006

Aguardando o chamado


WAITING FOR A WORK, originally uploaded by cutangus.

Os Lábios-Carnudos pronunciaram meu nome ao sentir meus olhos procurando os seus. Meninas-dos-olhos âmbar. Dante sonhava com Beatriz, eu sonho com você. todas as noites é contigo que me deito. Não há como me sentir só no minúsculo quatro frio das nossas esperanças. São seus braços que me apertam quando imagino ouvir o rangido da porta, minutos após. A janela aberta alimenta minhas fantasias. Você ameaçou me visitar. Que venha, então, com a sirene ligada anunciando urbi et orbi o seu amor tolhido, encolhido, colido por mim. Fico feliz pela sua linda família. Pelo caminho que escolheu. E se não é feliz, conforme me confessou por e-mail, talvez seja pelo orgulho que me obriga a negar-te. Não sei dividir seus beijos com mais ninguém. Queria aprender. Sei que você está aguardando o meu chamado, um bizu (de acordo com seu jargão). Recomendo que leia um livro, enquanto espera, assim você não perde seu tempo pensando na gente.

3 comentários:

  1. Leitora8:39 PM

    Se você soubesse... Se você soubesse o quanto esse seu post me descreveu...

    Um dos problemas que enfrento nesse último 1 ano e meio é ter Transtorno Obsessivo Compulsivo. Isso mesmo... TOC. Mas o meu é em pensamentos. Você não tem noção de como é horrível ficar presa em você mesma. Eu penso numa pessoa que eu amei durante 2 anos e meio, mas eu não penso porque eu lembro uma vez ou outra, não! Eu penso 24 horas por dia, o tempo inteiro. Mas o tempo inteiro mesmo! 24 horas por dia porque há 1 ano e meio eu não durmo direito (e tem os dias que eu sonho com a pessoa também). E tem uma música que toca na minha cabeça. A trilha sonora desse meu filme triste. Antes eu achava que era só dor-de-cotovelo, mas a coisa tomou dimensões estratosféricas a ponto de eu não mais conseguir estudar, ler, assistir TV, sair, farrear, fazer NADA. Minha memória começa e ficar afetada também. Demoro para recordar das coisas - isso quando recordo. Não me concentro em nada. Pode ser engraçado pra quem ler isso aqui. Mas é horrível.
    Antes fosse só o TOC. Mas tem também a depressão, a distimia, o transtorno bipolar, a falta de auto-estima... tudo junto. Comecei a achar que estava ficando louca e há 3 dias, procurei uma psiquiatra. Na semana que vem, procurarei uma psicóloga. Desisti de ir pular carnaval numa cidade de interior, aqui perto, com amigos, porque não consigo. Tenho medo de estragar o Carnaval de todo mundo com o meu chororô.

    "Recomendo que leia um livro, enquanto espera, assim você não perde seu tempo pensando na gente."

    Eu morro de medo de não mais parar de pensar.

    ResponderExcluir