27 de mar de 2004

Dicla,

Como eu havia dito, cá estou a ascender poemas do bolo de aniversário do poeta. Um a um, conforme o Dr. Tempo me permite. Vou mais tarde memorizá-los para, na hora do jantar, recitá-los aos meninos e meninas. Eles têm muito a aprender, alguma coisa posso lhes ensinar. Assim, dobro meu lucro: aprendo muito mais e conservo o Renato bem aqui, dentro de mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário